My Items

I'm a title. ​Click here to edit me.

Brasileiros tem R$ 8 bilhões esquecidos em bancos.

Brasileiros tem R$ 8 bilhões esquecidos em bancos.

Veja como verificar se há dinheiro a receber e como resgatar O Banco Central (BC), disponibiliza uma ferramenta, em que é possível consultar se há algum dinheiro que um cidadão ou empresa pode ter esquecido de sacar. Conforme as estimativas, das contas tem cerca de R$ 8 bilhões a receber para 24 milhões de pessoas físicas e jurídicas. A consulta está disponível no Sistema de Informações de Valores a Receber (SVR) do Banco Central. Na ferramenta você encontra informações como: Parcelas de empréstimo cobrados de maneira indevida; Recursos esquecidos após encerramento de consórcios; Devolução de tarifas cobradas indevidamente; Contas encerradas com saldo; Cotas de capital a devolver; Segue os passos par realizar a consulta dos possíveis valores: Acesse o site do BC; Procure pela opção “Minha Vida Financeira”; Em seguida, vá em “Valores a Receber”; Clique em “Consulta ao Relatório Valores a Receber”; Inicie a consulta e informe seu CPF ou CNPJ; Caso você possua valores para receber, este aparecerá na tela. 0 resgate do valor pode ser solicitado de duas formas: Se aparecer o botão "Solicitar por aqui" significa que o banco aderiu ao Termo do BC que prevê a devolução do valor via Pix na sua conta em até 12 dias úteis. Se aparecer "Solicitar via instituição", isso significa que você tem valores a receber, mas o banco não aderiu ao Termo do BC e, por isso, você deverá entrar em contato com o banco para combinar a devolução dos valores. Cuidado com golpes, há páginas e apps falsos para consultas de valores. Criminosos ligam para vítimas e pedem para clicarem em um link para resgatar recursos. O banco central não faz contato ativo . A página do Banco Central na internet ficou fora após a instituição disponibilizar um novo sistema o Banco Central diz que demanda por consulta foi 'acima da esperada', o que causou 'instabilidade' no site. Serviço está disponível desde segunda (24/01/22).

O que mudou no Instagram em 2021: fim do 'arrasta para cima', retorno das curtidas e mais

O que mudou no Instagram em 2021: fim do 'arrasta para cima', retorno das curtidas e mais

Rede social também liberou a publicação de posts pelo computador e integrou Direct com o Messenger. Relembre as principais mudanças no aplicativo 03/01/2022 | 11:23 O Instagram deu fim em 2021 à famosa função "arrasta para cima", que permitia direcionar para outros sites os seguidores que viam seus Stories. Ela era restrita a alguns usuários e foi substituída pelo botão de link, que está disponível para todos. O aplicativo também ganhou o Remix, recurso que lembra a opção de "dueto" do TikTok, e concretizou a integração com o Messenger, que permite a troca de mensagens entre usuários dos dois serviços. Neste ano, o Instagram também foi alvo de acusações no caso conhecido como "Facebook Papers". Uma das reportagens apontou que a rede social sabia que é prejudicial para a saúde mental de adolescentes. Relembre as principais mudanças no Instagram em 2021: Fim do "arrasta pra cima" O Instagram anunciou em agosto que acabaria com a opção "arrasta para cima", que até então era usada para acessar links nos Stories. A opção era oferecida apenas para contas que cumprissem alguns requisitos, como ter mais de 10 mil seguidores ou ter o perfil verificado pela rede social. O fim do recurso não acabou com a possibilidade de levar usuários dos Stories para outro site. Em vez disso, ele deu lugar à figurinha de link, que foi liberada em outubro para todos os usuários – sem requisitos. Veja como adicionar um link nos Stories: 1. Selecione o ícone de figurinhas na parte superior da tela; 2. Toque na figurinha "Link" e, em seguida, adicione o endereço do site; 3. Se quiser, personalize o texto da figurinha; 4. Clique em "Concluir" e escolha onde o link vai aparecer. Retorno do número de curtidas Há dois anos, o Instagram decidiu ocultar o número de curtidas de fotos e vídeos. Na ocasião, a rede social disse que o objetivo era fazer os usuários se concentrarem "mais nas fotos e vídeos que são compartilhados, do que na quantidade de curtidas que recebem". Em 2021, foi a vez da plataforma fazer o caminho inverso: os usuários voltaram a ter a opção de exibir o número de curtidas, mas também podem manter essa informação escondida. Integração com Messenger E o que já era planejado pelo Facebook desde 2019 se tornou realidade este ano: as mensagens do Instagram e do Messenger foram integradas. A mudança permitiu que os usuários de um serviço conversem com contatos que estão na outra plataforma. A integração – que não representa uma fusão dos serviços – já estava em testes em alguns países em 2020, mas foi liberada para usuários no Brasil apenas em abril de 2021. Remix O Instagram lançou a função Remix, que lembra o recurso de duetos do TikTok. Com ela, os usuários podem criar um vídeo do Reels em que aparecem ao lado de outro já existente na plataforma. Veja como fazer um Remix no Instagram: 1. Encontre o Reels que você deseja; 2. Selecione o ícone de três pontinhos no canto inferior direito da tela; 3. Selecione "Remixar este Reels"; 4. Clique no botão de gravação para fazer o seu vídeo – também é possível usar recursos de edição, como figurinhas e texto; 5. Depois de terminar a gravação, clique em "Compartilhar em" e escolha quem poderá ver o novo Reels. Publicar pelo computador A rede social liberou a publicação de fotos e vídeos pelo computador, e não apenas no aplicativo para celular. Até então, quem acessava a rede social no navegador só tinha recursos como curtir posts, publicar comentários, assistir Stories e enviar mensagens. Posts com dois autores A plataforma também lançou um recurso em que os usuários podem compartilhar a autoria de fotos e vídeos com outra pessoa. Batizado de Collabs, ele faz a publicação aparecer nos dois perfis e mostrar o mesmo número de curtidas, visualizações e comentários. O recurso, que funciona com publicações no feed e no Reels, pode ser usado seguindo estes passos: 1. Na tela de compartilhamento que aparece antes de publicar algo, clique em "Marcar pessoas"; 2. Em seguida, selecione o botão "Convide um colaborador" e escolha o outro usuário; 3. A outra pessoa receberá uma notificação e poderá aceitar ou recusar o convite. Músicas em fotos do feed As fotos publicadas no feed podem ser acompanhadas de música, graças a uma nova função da rede social. Até então, só era possível incluir sons em publicações de Stories e Reels. A opção está disponível na última tela exibida no aplicativo antes de fazer uma nova publicação. No campo "Adicionar música", os usuários podem selecionar a faixa que acompanhará a foto. "Use a sua" Os Stories ganharam a função "Use a sua", que permite criar uma espécie de "corrente" em torno de um tema. A opção está disponível nos Stories por meio da bandeja de figurinhas. Reels de 60 segundos O limite de tempo para os vídeos no Reels subiu para 60 segundos – inicialmente, a duração máxima era de 15 segundos e depois aumentou para 30 segundos. A mudança abre mais possibilidades para quem grava os vídeos no Instagram, mas ainda está abaixo do limite de 3 minutos do TikTok. Instagram Lite Dois anos após começar a ser testada no México, a versão mais leve do aplicativo do Instagram enfim foi liberada no Brasil. A rede social lançou uma alternativa que ocupa 2 MB na memória do celular – 93% mais leve que o app tradicional, que pesa cerca de 30 MB ao ser baixado. Para tornar o aplicativo mais leve, a rede social precisou abrir mão de vários recursos, como filtros de realidade aumentada nos Stories e opção de criar Reels (só é possível assisti-los) e transmissões ao vivo, por exemplo. Apesar das limitações, o Instagram Lite permite tirar fotos e gravar vídeos para o feed e os Stories, assistir vídeos no IGTV, publicar comentários e enviar mensagens no Direct. Fonte: G1

Facebook agora é Meta. Mas, afinal, o que é o metaverso?

Facebook agora é Meta. Mas, afinal, o que é o metaverso?

Conceito da ficção científica está na mira das Big Techs. Entenda 29/10/2021 | 13:27 A mudança de nome do grupo Facebook para 'Meta', anunciada nesta quinta-feira por Mark Zuckerberg, é mais um capítulo do esforço recém divulgado pela gigante da tecnologia em desenvolver o metaverso, o que promete ser a próxima 'Era da Internet'. Mas o que é, afinal, o conceito que está na mira das Big Techs? Entenda a seguir: O que significa o termo 'metaverso'? Descrito pela primeira vez em 1992, o termo metaverso apareceu no livro de ficção científica “Snow Crash”, escrito por Neal Stephenson, e designa um espaço coletivo que converge o mundo real com o espaço virtual. Hoje, essa mescla já é possível por meio de tecnologias como realidade virtual (RV) e realidade aumentada (RA), e pode ter aplicações em diversos setores - como jogos, plataformas de streaming, programas para videoconferências e mais. Descrito pela primeira vez em 1992, o termo metaverso apareceu no livro de ficção científica “Snow Crash”, escrito por Neal Stephenson, e designa um espaço coletivo que converge o mundo real com o espaço virtual. Hoje, essa mescla já é possível por meio de tecnologias como realidade virtual (RV) e realidade aumentada (RA), e pode ter aplicações em diversos setores - como jogos, plataformas de streaming, programas para videoconferências e mais. Como surgiu o metaverso? Especialistas explicam que o metaverso encontrou espaço fértil para se desenvolver primeiro na indústria dos games. As tentativas começaram ainda por volta dos anos 2000, com jogos virtuais como o Second Life, da Linden Lab. Quem domina o metaverso? Após uma série de tentativas de consolidação desse espaço virtual, games como Roblox e Fortnite são considerados os principais protagonistas que já formalizaram sua entrada no metaverso. Ambas as plataformas costumam realizar uma série de experiências imersivas com capacidade para milhares de usuários em tempo real. O Fortnite, da Epic Games fez uma parceria com o cantor Travis Scott, que entrou no jogo por meio de seu avatar e realizou um show imersivo para mais de 12 milhões de jogadores simultâneos, público recorde atingido pela plataforma. O Roblox, - que já tem 48 milhões de usuários ativos por dia, mais do que a população inteira da Espanha ou Canadá -, também proporciona uma série de experiências imersivas, como a parceria realizada com a Gucci em maio deste ano. Há também empresas como o Facebook e a Microsoft, que dão seus passos em busca do desenvolvimento desse ambiente que mescla o físico e o virtual. Em agosto, a empresa de Zuckerberg lançou um novo aplicativo de realidade virtual chamado Horizon Workrooms. Desenvolvido pela Oculus, divisão de realidade virtual da empresa, ele proporciona uma sala de reuniões virtual na qual os participantes interagem por meio de avatares. Cada convidado usa um óculos de realidade virtual e fones. Zuckerberg também já anunciou um investimento de US$ 50 milhões na “construção do metaverso”, além da contratação de mais de 10 mil funcionários para desenvolver o que é considerado por especialistas como o futuro da Internet. Como as marcas vão se apropriar do metaverso? Com a aceleração da digitalização em meio à pandemia, a tendência é que cada vez mais ações realizadas no espaço virtual tenham implicações no mundo real, segundo especialistas. E isso vai desde a experiência em um game, passando por compras pessoais e uso de tokens não fungíveis (NFTs), até a rotina de trabalho, por exemplo. Uma bolsa da Gucci, que só existe apenas no espaço virtual, foi vendida por um valor maior do que a versão real do item. Um modelo da bolsa Dionysus foi comprado no Roblox por 350.000 Robux, o equivalente a R$ 21,8 mil.

Microsoft desbanca Apple e se torna empresa mais valiosa do mundo

Microsoft desbanca Apple e se torna empresa mais valiosa do mundo

Ações da fabricante do iPhone caem após resultado abaixo do esperado e empresa de Bill Gates a supera, com valor de mercado de US$ 2,46 trilhões 29/10/2021 | 13:16 A queda nas ações da Apple nesta sexta-feira levou a Microsoft a desbancá-la como a empresa mais valiosa do mundo, entre as listadas em Bolsa. Os papéis da fabricante do iPhone caíam 3,9%, negociados a US$ 146,65, após divulgar resultado na véspera que ficou abaixo da expectativa dos analistas. O valor de mercado da Apple caiu para US$ 2,41 trilhões. A Microsoft subia 1,1% atingindo valor de mercado de US$ 2,46 trilhões. A última vez que a empresa de Bill Gates destronou a Apple foi no primeiro semestre de 2020, em meio à pandemia de Covid-19. — Se você está procurando segurança em tecnologia, a Microsoft provavelmente parece uma aposta mais segura para mim do que a Apple. Se houvesse uma desaceleração na economia, eu esperaria que a Microsoft resistisse melhor, porque seus produtos são diversificados em mais empresas — disse o analista da U.S. Global Investors, Michael Matousek. Balanço da Apple decepciona O balanço do terceiro trimestre da Apple, divulgado na quinta-feira, mostrou que a empresa teve faturamento de US$ 83,4 bilhões e desapontou analistas, que previam US$ 84,7 bilhões para o período. O principal motivo para o resultado abaixo do esperado foi o desabastecimento de componentes, sobretudo de semicondutores. Ainda assim foi um crescimento de 29% na comparação com o mesmo período do ano passado, embora abaixo do esperado. O lucro líquido foi de R$ 20,55 bilhões, 62,1% acima do mesmo período do ano passado. O relatório trimestral considerou as vendas entre julho e setembro, o que não inclui as vendas do iPhone 13, lançado no mês passado. A chegada da nova linha nas últimas semanas ajudou a alavancar as vendas, mas analistas têm dúvidas sobre impacto da falta de semicondutores sobre a capacidade da empresa de entregar os produtos nas vendas de fim de ano, que devem ser recordes. Além da atualização do iPhone, a empresa lançou novos relógios, iPads, computadores Mac e outros itens. A Microsoft se tornou a segunda empresa de capital aberto dos EUA a atingir um valor de mercado de US$ 2 trilhões, impulsionada por apostas de que seu domínio em computação em nuvem e software corporativo se expandirá ainda mais em um mundo pós-coronavírus. Suas ações superaram o desempenho da Apple e da Amazon neste ano em expectativas de crescimento de longo prazo para ganhos e receitas e também em expansão em áreas como aprendizado de máquina e computação em nuvem. A Microsoft subiu mais de 45%, enquanto a Apple subiu cerca de 11% e a Amazon, pouco mais de 1%. Fonte: O Globo

Pix tem 395 mil chaves vazadas pela 1ª vez desde que foi lançado

Pix tem 395 mil chaves vazadas pela 1ª vez desde que foi lançado

Banese, banco de Sergipe, identificou que, a partir de duas contas, foram consultados dados de não correntistas. BC diz que senhas e saldos não foram afetados 30/09/2021 | 19:00 Depois de o Banco Central (BC) alertar nesta quinta-feira sobre um vazamento de dados de chaves Pix pelo Banco do Estado de Sergipe (Banese), a instituição informou que detectou consultas indevidas a 395.009 chaves utilizadas no meio de pagamento. O Banese informou porém, que o evento "não afetou a confidencialidade de senhas, histórico de transações ou demais informações financeiras de seus clientes". É o primeiro incidente de segurança de dados do Pix desde que o sistema da pagamentos instantâneos foi criado pelo BC em novembro de 2020. Em comunicado divulgado na noite desta quinta-feira, o banco controlado pelo governo de Sergipe ressaltou que o vazamento ocorreu nas chaves cadastradas com números de telefone, de pessoas que não são clientes do banco, a partir do acesso de duas contas bancárias de clientes do Banese. Fonte: O Globo

MEIs podem contar com atendimento gratuito para regularizar dívidas

MEIs podem contar com atendimento gratuito para regularizar dívidas

Caso não quitem os impostos e as obrigações em atraso, serão incluídos na Dívida Ativa da União e estarão sujeitos a cobrança judicial. O NAF é um programa de cidadania fiscal da Receita Federal que estabelece uma parceria com instituições de ensino superior, unindo conhecimentos técnicos à prática contábil. Esses núcleos oferecem serviços contábeis e fiscais a pessoas físicas de baixa renda, » LEIA MAIS Fonte: Administradores.com

Aposta em redes sociais pode turbinar ganho das empresas

Aposta em redes sociais pode turbinar ganho das empresas

Brasileiros usam cada vez mais as redes sociais para comprar e comparar preços. Especialistas dizem que é preciso investir no social commerce. As redes sociais já fazem parte do nosso dia a dia. Agora, a propaganda boca a boca migrou para o celular. Com esse novo cenário, os especialistas alertam que é cada vez mais importante investir no que eles chamam de social commerce. são vários os dados disponíveis que reforçam essa importância. Veja o que uma pesquisa realizada pela All iN Social Miner mostra: 76% dos brasileiros recorrem às redes sociais para comprar; » LEIA MAIS Fonte: G1

Grupo Salus promove evento gratuito sobre empreendedorismo

Grupo Salus promove evento gratuito sobre empreendedorismo

Luiza Trajano, Thiago Nigro, Sônia Hess e Leonardo Torloni são alguns dos convidados do FOCO Empreenda Grandes nomes do empreendedorismo brasileiro se reúnem no dia 5 de agosto para o FOCO Empreenda, evento totalmente online e gratuito organizado pelo Grupo Salus - holding de saúde, bem-estar e estética. Com um formato de palestras curtas e dinâmicas, parecido com o modelo TED Talk, a live será transmitida às 19h no canal do YouTube do Grupo para trazer dicas de ouro para quem quer abrir o próprio negócio ou investir em franquias. Setores em aceleração, melhores investimentos, tendências do mercado de franquia e modelos que crescem mais de 200%, mesmo na crise provocada pela pandemia, serão alguns dos assuntos tratados durante os painéis. "Embora o momento atual tenha trazido dificuldades para as empresas no Brasil, queremos provar que é possível sim ter sucesso. São inúmeras possibilidades, mas é importante apostar no negócio certo e ter muita disciplina", afirma Carla Sarni, fundadora do Grupo Salus e mediadora do evento. Para transportar o telespectador para a experiência de ter um negócio lucrativo, o FOCO Empreenda contará com as dicas de Luiza Trajano, que comanda a Magazine Luiza e outras marcas da holding, e Thiago Nigro, influenciador de finanças do canal Primo Rico. O casal Amanda e Fernando Guandalini, franqueados do Grupo Salus, também estarão presentes para contar como conseguiram sucesso nesse mercado apostando em setores que garantem de 20% a 50% de rentabilidade por mês. "Ter alma empreendedora é saber o momento de arriscar", diz Carla. Uma prova disso são pessoas que encontraram o sucesso ao migrarem para os setores de bem-estar, saúde e estética - únicas áreas que tiveram crescimentos em 2020, segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF). Entre os principais nomes do evento está Sônia Hess, herdeira da Dudalina, que deixou a presidência da camisaria catarinense e adquiriu franquias da GiOlaser, marca de estética e depilação a laser do Grupo Salus. Leonardo Torloni também faz parte da lista de convidados. O ator deixou as câmeras para apostar na Sorridents. O FOCO Empreenda terá duração de quatro horas e contou com o investimento de R﹩ 500 mil do Grupo Salus. Para participar, basta fazer a inscrição no site da ação . O evento ainda traz nomes como Felipe Tito, ator e empreendedor; Joel Jota, mentor de alta performance; André Friedheim, presidente da ABF e sócio da Francarp; e o empreendedor e principal youtuber do mercado de franquias, Raphael Mattos. Serviço Evento Foco Empreenda Data: 05 de agosto, às 19h Inscrições: focoempreenda.com.br

Pesquisa aponta que 9 em cada 10 clientes compram produtos ecológicos

Pesquisa aponta que 9 em cada 10 clientes compram produtos ecológicos

Levantamento consultou as razões pelas quais mais de 20 mil consumidores optaram pelas alternativas ecológicas Entre os meses de agosto de 2020 e junho de 2021, a Positiv.a, empresa B que cria soluções para cuidar da casa, do corpo e da natureza, realizou uma pesquisa com mais de 20 mil consumidores e descobriu que nove em cada 10 clientes optaram pelos produtos da marca pois passaram a fazer escolhas mais sustentáveis para a sociedade e para o planeta. Segundo Marcella Zambardino, co-CEO e sócia-fundadora da Positiv.a, essa é uma tendência que foi impulsionada pelos novos hábitos desenvolvidos devido as pessoas estarem mais tempo dentro das suas casas. "Elas passaram a observar seus hábitos de consumo mais de perto, fazendo com que surgisse uma maior preocupação por fazer escolhas mais conscientes", complementa a executiva Outros motivadores destacados pelos consumidores ouvidos na pesquisa são possuírem algum tipo de alergia aos itens convencionais cheios de agentes químicos (22%); terem pets em casa e estarem preocupados com o bem estar do animal (20%); serem veganos (12%); e terem bebês em casa (8,5%). Os participantes do levantamento podiam escolher mais de uma alternativa para a resposta. Marcella acrescenta que a empresa busca manter uma relação muito próxima com os clientes e que estão sempre fazendo mudanças e adaptações para resolver as necessidades e dores dos mesmos. Nosso público com alergia é bastante fiel já que nossos produtos são a solução para fugirem de crises alérgicas e necessidade de remédios. Recebemos relatos emocionados de pessoas que depois que começaram a usar nossos produtos conseguiram pela primeira vez lavar as roupas e tirar da máquina as peças sem ter uma crise de espirro", explica.

Transferência de dinheiro pelo WhatsApp está disponível para todos usuários no Brasil

Transferência de dinheiro pelo WhatsApp está disponível para todos usuários no Brasil

Veja o que as principais mídias, dizem do WhatsApp pagamentos: Transferências bancárias pelo WhatsApp: entenda como funciona O Banco Central (BC) liberou no dia 30 de março transferências bancárias por meio do WhatsApp. Com esse aval, o aplicativo pôde oferecer um sistema de pagamentos em suas conversas – o lançamento aconteceu no dia 4 de maio. Fonte: G1 Santander entra na lista dos bancos que deixam transferir dinheiro pelo WhatsApp A funcionalidade está acessível apenas para aqueles que possuem cartão com bandeira Mastercard, mas a instituição financeira afirma que, em breve, estará disponível também para quem tem bandeira Visa Fonte: Valor Investe WhatsApp lança ferramenta de pagamentos com Pelé e Mark Zuckerberg: "King of ZapZap" "Hello, Mark! King of ZapZap." É assim que o rei do futebol, Pelé, inicia uma conversa com o fundador do Facebook e dono do WhatsApp, Mark Zuckerberg. O vídeo foi divulgado nas redes sociais do ex-jogador e tem o objetivo de divulgar a ferramenta de pagamentos do aplicativo de mensagens. Fonte: Pequenas Empresas Grandes Negócios Entenda como funciona o WhatsApp Pay. Especialista explica vantagens e como é feita a segurança das transações Recentemente o WhatsApp apresentou mais uma novidade para seus usuários, a possibilidade de fazer pagamentos ou transferir dinheiro dentro da plataforma. A nova função é gratuita e surgiu com a proposta de tornar a transação tão fácil quanto enviar uma foto para um contato da agenda. Fonte: Exame

Dia dos namorados: Impactos positivos no seu negócio

Dia dos namorados: Impactos positivos no seu negócio

Veja o que as principais mídias e especialistas projetam para os vendas no dia dos namorados: 7 dicas para seu e-commerce vender mais no Dia dos Namorados 2021 Alfredo Soares, cofundador e mentor do Gestão 4.0, dá dicas para quem quer bombar o e-commerce a tempo de faturar com presentes para a data mais romântica do ano – e uma das principais para o calendário do varejo. Fonte: Pequenas Empresas Grandes Negócios Pequeno empresário traça estratégia para o Dia dos Namorados e busca fisgar consumidor no longo prazo Data comemorativa também pode servir para fidelizar o consumidor. Especialista destaca a importância de trabalhar de forma correta com a venda pela internet. Fonte: G1 Cellairis lança campanha “Longe ou perto, sempre love!” para o Dia dos Namorados Segundo pesquisa da Social Miner e Opinion Box, 67,2% dos entrevistados pretendem comprar presentes, sendo 31,8% em lojas virtuais. As lojas físicas também serão visitadas por 15,5% do público que irá celebrar a data. Fonte: E-Commerce Brasil Circuito gratuito oferece dicas para alavancar vendas dos pequenos negócios Elaborada pelo Sebrae Rio e Sistema Fecomércio RJ, a programação virtual ocorrerá entre os dias 9 e 11 de junho; veja como se inscrever Fonte: O Dia

Imposto de renda tudo que você precisa saber:

Imposto de renda tudo que você precisa saber:

As principais noticias sobe o imposto de renda: Curiosidades da Evolução do Imposto de Renda No final de 1979, a agência de propaganda contratada pela Secretaria da Receita Federal preparava a campanha institucional para divulgar o Programa Imposto de Renda (PIR) do exercício de 1980, quando foi sugerido o leão como símbolo do PIR 1980. De início, a ideia teve reações diversas, mas, mesmo assim, a campanha foi lançada. Fonte: Receita Federal IR 2021: Acabou o prazo; entrega da declaração agora só com multa.
O contribuinte que perdeu o prazo para envio da declaração do Imposto de Renda 2021, encerrado às 23h59 desta segunda-feira (31), agora só conseguirá entregar o documento a partir desta terça-feira (1º), com multa. A Receita Federal voltará a aceitar as declarações a partir das 9h. Fonte: Uol Economia Governo indica acordo para prorrogar prazo de declaração do IR até fim de julho Representantes do governo indicaram hoje que aceitam a derrubada do veto presidencial ao projeto que prorroga o prazo de declaração do imposto de renda pessoa física, segundo quatro líderes partidários ouvidos pelo Valor. O prazo oficial para declaração acaba às 23h59 de hoje e a sessão do Congresso para votar os vetos será amanhã. Fonte: Valor Investe Perdeu o prazo para declarar o imposto de renda 2021? Saiba o que fazer Fim do prazo oficial para o envio da sua declaração do imposto de renda 2021 foi no dia 31 de maio. Saiba como acertar as contas com o Leão agora e pagar a multa por atraso. Fonte: Seudinheiro Declarações do MEI e do Imposto de Renda devem ser enviadas até segunda Se você é MEI, tome cuidado, pois são declarações diferentes. Dependendo do caso, você pode ser obrigado a fazer os dois documentos. Veja nesta matéria qual declaração você precisa fazer e como preencher Fonte: Uol Economia

zap1.png